Importando Eletrônicos da China

asia source brasil imp e exp - blog - importacao de eletronicos - Site - 1000x370.jpg
Importar eletrônicos da China é uma prática comum. Neste artigo trazemos os principais pontos que envolvem este tipo de importação.

Importar produtos da China traz inúmeras vantagens para a empresa importadora, devido ao preço baixo, qualidade e, acima de tudo, custo benefício causado pelo baixo custo de produção no país asiático.

A importação de produtos tem o potencial de levar seu negócio para um outro patamar, aumentando o mix de produtos oferecidos pela sua empresa e a sua competitividade diante da concorrência.

Antigamente a China era conhecida por fabricar produtos de baixa qualidade e copiados, mas atualmente o país é responsável por produzir marcas que crescem no mundo inteiro como Xiaomi e Huawei, por exemplo.

Tributação e Logística

A respeito dos custos alfandegários, o primeiro imposto que o importador vai encontrar aqui é o de importação, onde podem ser cobrados até 60% do valor total (valor alfandegário), calculado pela soma do valor do produto, acrescido do frete e do seguro.

A vantagem é que se esse eletrônico tiver uma margem de lucro agregada, o volume traz a possibilidade de justificar um frete aéreo, no lugar do marítimo, reduzindo o tempo da importação. O tempo de trânsito no modal marítimo da China para o Brasil é de aproximadamente 45 dias. O mesmo transporte no modal aéreo seria de uma semana.

Anatel e INMETRO

A Agencia Nacional de Telecomunicações (Anatel) é responsável pela regulamentação de equipamentos eletrônicos emissores de radiofrequência, tanto nacionais, quanto importados.

Antes de comprar um produto como um celular, uma bateria para telefone, ou um modem residencial é preciso verificar se há ou não a homologação por parte da Anatel para o produto em questão.  

Além dos produtos já mencionados, outros que pode ser retidos são smarts TVs, rádios de comunicação, drones, teclados e mouses sem fios, roteadores ou dispositivos que usem Wi-Fi ou Bluetooth para seu funcionamento.

Agora o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) inspeciona tanto produtos nacionais quanto internacionais para verificar a segurança de acordo com as normas nacionais. A lista de produtos é ampla e inclui veículos, materiais, eletrodomésticos, brinquedos, entre outros. Verifique a lista neste link.

           Caro leitor já escrevemos sobre a Anatel e o INMETRO no blog. Confira também os artigos escritos a respeito destes dois órgãos anuentes.

Diferença entre tradings x fábricas chinesas

A principal diferença entre comprar de uma trading ou de uma fábrica diretamente está na diversidade de produtos. Uma trading costuma trabalhar com diferentes produtos dentro de uma mesma linha, e isso poderá ser vantajoso caso você seja iniciante na importação.

Se o comprador possui uma alta demanda de produtos e além disso, precisa de um fornecedor que tenha capacidade de entrega de grandes quantidades por exemplo, então o melhor é comprar diretamente de uma fábrica chinesa.

A Ásia Source Brasil possui experiência em negociar com empresas chinesas. Além disso, ela inspeciona a carga tanto no embarque, quanto na chegada no Brasil, o que traz mais segurança no processo de importação.

Até o próximo artigo!

PLANEJA IMPORTAR?

ELABORAMOS O SEU PROJETO DE IMPORTAÇÃO DE PRODUTOS

Entre em contato e saiba como mudar a sua empresa a partir de consultoria especializada. Preencha o formulário e agende uma consultoria, de maneira rápida e prática!

Saiba mais

Asia Source Brasil

32.841.631/0001-20

Rua Anita Garibaldi, nº 79, Anita Garibaldi, Joinville - Santa Catarina

contato@asiasourcebrasil.com.br