Importando Equipamentos de Energia Renováveis

O momento de estudar e investir em energias renováveis é agora! Conheça este mercado em ascensão no artigo de hoje.
Escrito por Maria Helena

Você que acompanha nosso blog já percebeu que frequentemente escrevemos sobre dicas de negócios. Já falamos sobre o E-Commerce (ou lojas virtuais), sobre o mercado fitness que está em expansão no Brasil, dicas para importar cosméticos, brinquedos e eletrônicos, também sobre o mercado Pet no Brasil.
A dica de hoje é muito especial! Não apenas por se tratar de um negócio inovador e muito lucrativo, mas também por representar a busca por melhores fontes energéticas. Continue lendo para entender como é importar equipamentos de energia renováveis:

Demanda Nacional Aquecida (literalmente)
A busca por energias limpas e renováveis é uma preocupação mundial. As economias de um modo geral precisam ser autossuficientes e produzir energia barata e limpa.
O Brasil possui alto potencial para a produção de energia renovável, pois recebe durante o ano grande incidência de luz solar e vento. São recursos que permitem expandir a matriz energética doméstica, estimulando de forma sustentável a produção e a competitividade nacionais.
De acordo com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica - Absolar, houve no Brasil mais de 36,5 bilhões em investimentos privados, o que gerou mais de 219 mil empregos, 11 bilhões em arrecadação de tributos, e mais de 1,1 milhão de toneladas de CO² evitadas na atmosfera.
Além disso, comparando 2019 com 2020, a capacidade fotovoltaica do Brasil teve um salto de 63%.
Segundo o Ministério de Minas e Energia, as fontes renováveis de energia, que incluem hidráulica, eólica, solar e bioenergia, chegaram a 46,1% de participação na Matriz da Demanda Total de Energia de 2019. A energia solar cresceu 92% e a eólica, 15,5%, fontes que, somadas, contribuíram com 50% do aumento da participação das renováveis na matriz.  
No ranking mundial de investimento em energia solar no mundo, o Brasil aparece na 12ª posição, atrás da China como primeira colocada, seguido da União Europeia, dos Estados Unidos e Índia.
Caro leitor, ficou curioso para saber mais a respeito? Acesse o site da Absolar e da ANEEL que tem bastante informação atualizada:
https://www.aneel.gov.br/
http://www.absolar.org.br/

Incentivos Fiscais e Redução de Custos na Importação
Para explorar esse potencial e oportunizar novos negócios, o governo brasileiro oferece incentivos e benefícios fiscais ao setor. Esses incentivos incluem programas de financiamento e reduções fiscais para aquisição de recursos capazes de captar, produzir e transmitir esse tipo de energia renovável.
Para importação de materiais, os principais incentivos são os fiscais. Recursos para produzir energia renovável recebem redução estratégica em impostos, gerando uma oportunidade de negócios singular para quem deseja aproveitar esse mercado em ascensão.
Prova disso é a redução do imposto de importação pelo Governo Federal para a compra de equipamentos de energia solar até dezembro de 2021 (entre os equipamentos, estão bombas para líquidos, painéis solares e rastreadores solares).
Outro imposto que recebe diversos incentivos é o ICMS. Santa Catarina por exemplo, é um estado que fornece incentivos fiscais no ICMS no momento de importar equipamentos de energia solar.

Ficou interessado em saber mais e simular importações de equipamentos para a produção de energia renovável? Fale com a Asia Source e fique por dentro! Até o próximo artigo!

PLANEJA IMPORTAR?

ELABORAMOS O SEU PROJETO DE IMPORTAÇÃO DE PRODUTOS

Entre em contato e saiba como mudar a sua empresa a partir de consultoria especializada. Preencha o formulário e agende uma consultoria, de maneira rápida e prática!

Saiba mais

Asia Source Brasil

32.841.631/0001-20

Rua Anita Garibaldi, nº 79, Anita Garibaldi, Joinville - Santa Catarina

contato@asiasourcebrasil.com.br